Mil Novecentos e Vídeo Marketing: Uma distopia Orwelliana com ares de otimismo

Vamos perceber como um vídeo marketing não é apenas um vídeo marketing. Feche os olhos. Não, espera… melhor ficar de olhos abertos, senão vai ser meio difícil imaginar a situação que estamos propondo.

Ok, então… de olhos abertos: um horizonte peculiar se estende à sua frente. O vislumbre de um futuro próximo. Ou seria o aqui? O agora? Muitos mistérios pairam no ar. Muitas indagações para poucas respostas. Ares soturnos nos rodeiam.

Seja bem-vindo ao ano de mil novecentos e vídeo marketing – onde a “guerra das marcas” tomou proporções gigantescas devido à ascensão cada vez mais proeminente de um poderoso item em seus arsenais estratégicos: o vídeo.

Neste tempo envolto por tensões e incertezas, marcas de todos os segmentos se digladiam pela atenção de seus respectivos públicos, formando uma inacreditável nuvem de ruído audiovisual. Seria infrutífero descrever este cenário a fundo, pois o conteúdo massivo que o compõe é demasiadamente variado em formas e propósitos.

A população de espectadores – principal alvo dos arsenais de vídeos – é bombardeada a todo momento por tutoriais, vídeos institucionais, reviews de produtos e o que mais se possa imaginar. Isso sem contar a infinidade de memes e vídeos de cachorrinho, que também representam um papel importante na disputa pelo panteão das atenções no mundo digital.

Conhecendo o ano de mil novecentos e vídeo marketing

Se você parar para pensar, vai perceber que o ano de mil novecentos e vídeo marketing é bastante parecido com o nosso. Afinal, é onde a função imprescindível do vídeo nas estratégias de marketing digital é confirmada inclusive pelas estatísticas, que indicam que 96% (!!!) dos consumidores já procuraram, em algum momento, por vídeos que efetivamente explicassem algo sobre uma empresa, um produto ou um serviço antes de realizar a compra.

Assim, o vídeo tem um talento especial quando se trata de engajamento. Quando bem-feito, é capaz de oferecer ao público um conteúdo ágil, elucidativo e agradável aos olhos. Não à toa, ele é considerado o melhor recurso estratégico para atração e retenção de público no universo do marketing digital.

Por outro lado… não podemos esquecer do conflito apresentado parágrafos atrás.

O poder indiscutível do vídeo – aliado à sua aparente facilidade de produção e aplicação – instauraram uma disputa generalizada por atenção, fazendo com que o mundo fosse coberto por uma densa camada de conteúdo audiovisual.

E se você está lendo esse texto, provavelmente está no meio desse conflito.

“O Despertar”: uma nova perspectiva surge no horizonte

A boa notícia é que toda distopia tem seu momento de clareza. E embora no momento você possa se sentir envolto por uma nuvem de vídeos que parecem falar a mesma coisa que os seus, finalmente chegou a hora do seu “Momento de Despertar”.

Mas tenha em mente que ser uma pessoa desperta em meio aos que ainda adormecem é uma grande responsabilidade. Talvez os seus próximos vídeos venham, inclusive, para dar início a uma nova era – uma menos marcada pelo simples “fazer” e mais pelo “motivo de fazer, e fazer bem-feito”.

E para garantir que o seu “levante contra o sistema” seja bem-sucedido, separamos alguns insumos que servirão como combustível no seu movimento pela libertação do vídeo marketing das garras da mesmice. Vamos a eles?

Compreenda o seu propósito através do seu público

O primeiro passo é dar uma boa olhada à sua volta – aproveite sua nova condição de “pessoa desperta” para analisar as estratégias da concorrência de maneira distanciada. Onde estão acertando? E quais são os pontos fracos que podem ser convertidos em diferenciais competitivos para o seu negócio?

Para começar a caminhar segundo seus próprios passos, é essencial que você compreenda o motivo pelo qual você escolheu tomar um rumo diferente.

Depois, é hora de olhar para o seu público e entender como ele se comporta. O universo do vídeo marketing é muito amplo, então cabe a você refletir se os vídeos que você faz atualmente são condizentes com seus respectivos objetivos.

O público em questão precisa de um vídeo que explique como o seu produto funciona? Ou será que, antes de tudo, precisa de um vídeo que explique o que a sua empresa faz?

Enfim, nenhuma vitória acontece sem um estudo tático. No caso do vídeo marketing, o elemento central é o seu propósito – ou o tipo de influência que aquele material pode exercer na vida do espectador. Foque menos em quantidade e mais em assertividade.

Construa uma estrutura que seja dura na queda

Para enfrentar a grande massa de ideias homogêneas, você vai precisar de um plano consistente. E esse plano começa pela definição do roteiro do seu vídeo.

Para ter certeza de que o seu roteiro não é, na verdade, um espião infiltrado, você precisa que ele responda a um pequeno questionário:

  • O que ele espera comunicar ao espectador?
  • Como ele pretende fazer isso?
  • Por que ele acredita que o seu produto ou serviço é melhor que todos os outros?

Responder às 3 perguntas magnas é um passo muito importante, pois elas guiarão a estrutura do roteiro, que nada mais é do que a descrição de tudo o que será comunicado no seu vídeo – seja através de texto, narração ou imagem.

O roteiro é o alicerce de todos os seus próximos passos. Por isso, é imprescindível que você se certifique de que ele está trabalhando a seu favor, e que ele dá conta de sustentar todos os desafios que virão pela frente.

Capriche na produção de um vídeo marketing fora da curva

Uau, parece que você finalmente tem um artefato poderoso nas mãos! Com um roteiro bem-estruturado, as definições de produção ganham um ótimo direcionamento. Agora, você sabe exatamente como a sua mensagem deve ser comunicada. Então que tal começar a produzir?

Para isso, a nossa sugestão é que você se reúna a outras pessoas igualmente despertas. Olhe novamente à sua volta e identifique lugares que se dedicam a produzir conteúdo “fora da curva”, como o que você está querendo produzir.

Isso porque, muito embora hoje em dia seja possível gravar vídeos até mesmo com o seu celular pessoal, existe uma clara diferença em um trabalho realizado por quem tem experiência, repertório, visão criativa e arsenal técnico (leia-se: uma boa câmera, iluminação, organização de produção).

Para fazer a diferença, o melhor a fazer é formar uma “resistência” – profissionais dedicados a lutar contra a mesmice e a favor de um mundo onde o vídeo marketing tenha uma voz e, principalmente, um motivo.

O enfrentamento final

Agora que dividimos esses segredos táticos com você, é hora de agir! O ano de mil novecentos e vídeo marketing busca desesperadamente por uma retomada de seus melhores dias, quando a originalidade e a eficiência dos vídeos tomavam conta das telas de toda a população.

No momento, você é a única pessoa que pode salvar essa realidade! Mas saiba que você não está só. O nosso time de profissionais “fora da curva” está pronto para te ajudar nessa importante missão. Basta mandar um sinal de fumaça e lá estaremos.

Avante! Vamos à luta.

Somos a MonkeyBusiness. Estúdio de Animação. Produtora de Vídeo. Agência de Apresentações Criativas. Apaixonados pelo poder de comunicação do Motion Design e especialistas em Vídeo Marketing.

Conte com a MonkeyBusiness. Planejamos, roteirizamos, criamos e produzimos animações, vídeos e apresentações inteligentes, criativos e mais eficientes. E não importa o visual ou o formato. Nós criamos para empresas e profissionais que buscam se comunicar através do design em movimento.
Portanto, Temos times de atendimento, planejamento, roteiro, direção de arte e motion design. Todos eles dedicados a criar vídeos, animações e apresentações, transformando conteúdo corporativo em resultados. Assim, estamos prontos para trabalhar no seu próximo projeto em Motion Design. Seja ele em vídeo, animação ou apresentação. Clique aqui e vamos falar sobre seu próximo vídeo ou apresentação!

MonkeyBusiness: seu estúdio de animação. Produtora de vídeo. E agência de apresentações criativas

Estúdio de animação. Produtora de vídeo. Agência de apresentações criativas com Motion Design. Acreditamos na estratégia, roteiro e motion design para uma comunicação mais eficiente, inteligente e, logicamente, animada. www.monkeybusiness.com.br